Chefe do tráfico que ostentava no Instagram é assassinada no México

Uma chefe do narcotráfico do México conhecida como La Catrina morreu na última sexta-feira, dia 10, após um confronto entre o cartel Nueva Generación (Nova Geração), de Jalisco, com o Exército, a Guarda Nacional e a polícia do Estado de Michoacán. María Guadalupe López Esquivel, de 21 anos, foi baleada no pescoço e morreu no hospital horas depois. Ela ostentava nas redes sociais em imagens com dólares e armas feitas com ouro.

Você pode gostar...